Todo mundo gosta de ir ao Shopping. A qualquer hora do dia que você for, encontra lá pessoas, muitas pessoas. O público que lá está, vai por vários motivos: cinema, praça de alimentação, lojas, eventos, lazer ou apenas um passeio com os amigos. Sua rede social oferece isso aos seus clientes? Pois isso é exatamente o que as pessoas procuram, mas de uma forma diferente. Vamos analisar 5 semelhanças entre os dois e como isso pode atrair público para suas redes sociais e aumentar suas vendas.

 

Cinema

Muita gente vai ao shopping pelo cinema. É um público que prima pela qualidade e quer estar sempre atualizado sobre os últimos lançamentos. Conteúdos ligados a esse tema, engajam muito fácil, seja pela curiosidade ou paixão de seus fãs. Pode ser o anúncio de um lançamento, ou até mesmo uma brincadeira ou trocadilho com algum título conhecido, a galera vai amar e simpatizar com o conteúdo.

As ações com esse público são sempre muito bem aceitas. A Universal Pictures realizou uma ação para divulgar o filme Minions, com anúncios de vídeo e foto, pautados em alcance e frequência e direcionamento por localização. Eles conseguiram impactar 27 milhões de pessoas em 3 meses, sendo que mais da metade das pessoas que foram ver o filme, disseram ter visto o anúncio no Facebook.

 

Praça de alimentação

Comida é unanimidade para todos os públicos. Não importa se é saudável ou fast-food, uma hora todo mundo vai ter que comer. No shopping a praça de alimentação é um dos lugares mais frequentados, nas redes sociais também.

Chovem perfis de receitas e fotos de comida nas redes sociais. Seja no Instagram, Pinterest, Flickr, ou mesmo Facebook, as páginas focadas nesse assunto são sempre muito badaladas e comentadas. Isso pode ser uma oportunidade para aumentar as vendas dos estabelecimentos da praça, além de gerar um maior fluxo de pessoas.

As grandes redes de fast-food fazem isso muito bem. Burger King e Mc’Donalds, por exemplo, fazem campanhas de sucesso, entre elas, cupons de desconto nas redes sociais. Isso sempre leva mais pessoas e aumenta a venda média de suas lojas.

 

Mix de lojas

As pessoas gostam de passear pelas vitrines das lojas, ver os produtos em exibição e os seus preços. E pode até parecer coisa de mulher, mas hoje em dia, até o público masculino gosta de babar em frente a uma bonita vitrine. Da mesma forma nas redes sociais, as pessoas gostam de visitar as páginas e ficar vendo as novidades, principalmente se houverem boas imagens.

Plataformas que evidenciam imagens como o Instagram e o Pinterest são ótimas para serem utilizadas como vitrines virtuais, ou até mesmo o Facebook com seus álbuns. Ali, as pessoas vão passar um bom tempo babando.

Então, uma boa forma de atrair pessoas para sua página, é mostrando as novidades, produtos e outros temas de interesse das lojas do shopping. Claro, sempre tendo o cuidado de oferecer para todos os lojistas as mesmas oportunidades e ao mesmo tempo evitar poluir demais a página.

Promoções, ofertas e descontos são muito bem-vindos também, afinal, quem não gosta de economizar?

 

Eventos

Os eventos realizados nos shoppings costumam atrair um bom público. Assim como nas redes sociais. Dê uma olhada na sua linha do tempo e conte quantas pessoas estão compartilhando ou confirmando presença em eventos. O público gosta de mostrar aos amigos que está indo nos eventos de sucesso e convidá-los para participar também. Por isso, quando seu shopping for fazer um evento, as redes sociais são ótimas para isso.

Com a existência de transmissões ao vivo pelas redes sociais como Facebook e Instagram, é possível transmitir eventos em tempo real, ou criar eventos exclusivos para seus seguidores. Como uma transmissão com votação em tempo real sobre qual produto os clientes querem em promoção, ou a divulgação de alguma ação surpresa realizada no shopping.

 

Espaço para lazer e passeio com os amigos

Nada mais animado que juntar os amigos para fazer um passeio pelo shopping, ou curtir no final de semana um boliche, kart, levar as crianças para ver brinquedos e outras atrações. As redes sociais também podem oferecer essas opções.

Você pode criar aplicativos e jogos que façam com que as pessoas passem tempo conectados à sua marca, convide os amigos e quem sabe até interligar essas ações com algo real? Já pensou em fazer um torneio online sobre um aplicativo de compras e dar recompensas para os melhores?

Isso envolve o público de uma forma orgânica e vai envolver todo o círculo de amigos e familiares com um custo baixo. O que pode ser um pouco mais caro, é o desenvolvimento do app, mas se você tem um grande público, ou quer promover alguma ação promocional, pode ser que valha a pena.

Você também pode facilitar para que as pessoas tenham acesso à internet no seu shopping para fazer check-in e mostrar para sua rede que elas estão lá as opções. Isso vai atrair novos clientes para esses ambientes, com as pessoas marcando os amigos e levando-os a se interessar por esses estabelecimentos. Quando eles forem, levarão mais amigos, que levarão mais amigos e assim continua, sempre atraindo mais pessoas.

 

Como você pôde ver, shoppings e redes sociais têm muito em comum. Essas afinidades trabalhadas em conjunto podem atrair público para os espaços digitais e físicos do shopping. Aqui no blog já falamos sobre 5 segredos para aplicar no marketing de shoppings e 5 motivos para um shopping estar nas redes sociais.

Esperamos que você tenha gostado! Até a próxima!