De repente você conheceu o SEO, viu como usá-lo e a diferença entre ele o AdWords. Foi amor à primeira vista! Você resolveu começar a trabalhá-lo e pensou que o Search Engine Optimization (motor de otimização de buscas) ia levar seu site para o topo das pesquisas.

Mas então, você viu que não era amor, era cilada. Sua página não apareceu entre os primeiros resultados das palavras-chave nos buscadores. Mas, vamos com calma! O problema pode ser você! Sim, você! Talvez a sua estratégia não seja a mais adequada. Já parou pra pensar que talvez você esteja se atrapalhando?

O mago do SEO, Neil Patel fez um texto contando 12 erros na sua estratégia de SEO que podem estar atrapalhando o seu site. Vale a pena ler o texto completo. Pra adiantar, fizemos uma versão com os mais importantes. Confira:

 

#1: Erro nas palavras-chave

Escolha palavras-chave de acordo com o seu público. Pesquise quais as palavras ele procura e quais estão relacionadas a suas pesquisas. Se ele está procurando por “chocolates como comprar”, ou “chocolates à venda”, podem significar coisas diferentes. É importante interpretar como o cliente busca.

Lembre também de implementar palavras-chave semânticas (Latent Semantic Indexing), as chamadas LSI. Elas são as sugestões na parte de baixo em uma página de resultados de pesquisa. Aqui, alguns exemplos de otimização, cuja busca principal foi “website speed test“.

Perceba que os sites que apareceram no topo além de mostrar a palavra-chave da busca, estava otimizado para palavras derivadas, como “performance“, “monitoring“, “testing“.

Para boas dicas de LSI, observe a sugestão de busca no rodapé das SERPs:

Na imagem, a sugestão de LSIs, para não cometer erros de SEO.

 

Usar palavras-chave em excesso e que não acrescentem, nem sejam importantes para o conteúdo também são erros graves. Elas vão rankear negativamente sua página e ser uma pedra no seu planejamento de SEO. Isso afeta a avaliação dos buscadores e a avaliação de sua página.

Aqui, um exemplo de excesso de palavras (keyword stuffing). Note que ela satura o texto e o torna ilegível:

Na imagem, o excesso de palavras-chave, um erro grave de SEO.

Abaixo, um exemplo de busca por “casa”, que mostrou decoração, móveis, eletrodomésticos, e casas. Imagine se aparecessem casas de boneca ou de cachorros?

Na imagem, palavras-chave mal direcionadas, um dos erros de SEO.

 

#2: Site lento

Um site lento pode acabar com o seu negócio. As pessoas evitam sites lentos e que demoram demais para carregar. A internet aumentou a velocidade, a tecnologia melhorou, então não há desculpas para ter o site lento. O Google também leva em consideração a velocidade do seu site para ranquear e aumentar a sua reputação.

 

Uma forma de descobrir a velocidade do seu site é o GTmetrix. Tenha a seguinte certeza: todo mundo gosta de navegar em um site rápido.Na imagem, o Gtmetrix, uma ferramenta ótima pra testar a velocidade de carregamento do site para não cair em um erro de SEO.

 

#3: Não se preocupar com meta descrições e títulos

Os dois são muito importantes para o seu site. O título e a meta descrição vão dizer a quem pesquisar sobre o que é o conteúdo listado. É o cartão de visita que influenciará como as pessoas clicam no seu site.

Isso significa que o que você diz neles influenciará muito a quantidade de pessoas que clicam no seu site. O ranking do seu site de maneira geral, será afetado, já que o Google rastreia título e meta descrição para encontrar palavras-chave.

Isso quer dizer que você precisa otimizar título e meta descrição da página se está procurando cliques, vai ser a porta de entrada para isso.

Veja um erro de título:

Na imagem, um título de página escrito errado, que é um erro de SEO.

Agora, observe a falta de uma meta descrição clara e objetiva:

Na imagem, uma meta descrição escrita errada, que é um erro de SEO.

E pra fechar, veja uma meta descrição completamente errada, que compromete até mesmo a avaliação do Google, que aponta o site como possivelmente invadido:

Na imagem, uma meta descrição completamente errada, um erro grave de SEO.

 

#4: Descuidar da qualidade do conteúdo

É importante cuidar da quantidade e regularidade, mas sem deixar de lado a qualidade. O meio termo é o ideal, mas se for para errar, que seja pela qualidade. Uma quantidade reduzida de conteúdo de alta qualidade não vai prejudicar o seu ranking.

Talvez não consiga melhorar a posição tão rapidamente, quanto postando com frequência, mas se o conteúdo é de alta qualidade, isso não vai sabotar sua estratégia de SEO. Avalie sempre se a importância do conteúdo é maior que a importância do SEO, pois nem sempre essas duas coisas andarão juntas. Aqui, um exemplo de um post da Amblard, cujo conteúdo é importante e relevante, mas que dificilmente será bem posicionado em relação à palavra-chave escolhida, apesar de estar otimizado:

Na imagem, uma avaliação média do Yoast SEO, que pode apontar bom conteúdo mas má posicionamento em relação à palavra-chave.

Aliás, uma boa dica pra você: instale o plugin Yoast SEO se seu site ou blog for WordPress. Ele dá caminhos para otimizar as páginas e pode ajudar e muito na sua estratégia:

Na imagem, sugestão de ajuste no texto para otimizar para SEO, no plugin Yoast SEO.

Veja mais sobre o Yoast e seus produtos aqui.

 

#5:Otimização errada dos subtítulos

O Google utiliza os subtítulos para determinar o tipo de conteúdo do seu site. Por isso é importante que eles ajudem a explicar com mais detalhes o que você se propõe a falar no título.

Não usar subtítulos ou não especificar o suficiente para ajudar o SEO, são erros muito comuns. Eles são muito importantes em uma estratégia de SEO, pois os motores dos buscadores verificam todo o conteúdo. Incluindo títulos e subtítulos.

Na imagem, a solicitação de ajuste do título e subtítulo do conteúdo para adicionar palavra-chave, que é um erro de SEO monitorado pelo plugin Yoast SEO.

Sabe como o buscador vai interpretar o conteúdo acima? Avaliando que ele tentou dizer algo, mas que é completamente vazio e irrelevante, já que não há indícios de explicar o que é a palavra foco, “tendencia marketing digital”. E o meu conteúdo? Cai no ranqueamento.

 

#6: Imagens não otimizadas e sem alt text

As imagens são parte importante das buscas, já que o próprio Google tem uma aba de imagens na busca. Para otimizá-las, é preciso entender como os buscadores lêem as imagens.

Esse é um problema simples de resolver: são dois campos que os buscadores entendem das imagens: o nome do arquivo e o texto alt. São essas duas informações que vão dizer do que se trata a imagem.

Na imagem, a otimização de imagem em cima da palavra-foco palpabilidade, que é derivada de marketing. Não fazê-lo, é um erro de SEO.

Importante também: não deixe de comprimir o arquivo! Imagens pesadas são vilãs para o seu site. Verifique a configuração, deixe em .jpeg (pois preserva a qualidade do arquivo), e com peso de no máximo 1mb. Claro, se o arquivo precisar ser mais pesado ou maior, você deverá repensar a necessidade dele.

 

Top 6 erros de SEO

Viu só? São coisas simples, mas que talvez você não sabia ou tenha se atentado da importância.

Esperamos ter ajudado a você e sua empresa ganhar algumas posições nas páginas de resultados dos buscadores. Quer sabre mais? Fale com a gente!

 

Veja a lista completa de erros publicada pelo guru do SEO, Neil, neste link aqui.

 

Agora que você viu isso, que tal saber “por que minha empresa precisa estar no Google?”.